fbpx
Assine nossa newsletter

Entenda o que é a geração alpha e quais são suas principais características

Já ouviu falar da geração alpha? Conheça melhor suas características e o papel da tecnologia em seu desenvolvimento!

O sociólogo australiano Mark McCrindle criou o termo Geração Alpha para denominar as crianças nascidas a partir de 2010. O principal diferencial dessas pessoas é o fato de viverem 100% conectadas, pois já estão acostumadas com as telas para aprender, buscar informações e para se entreter.

Quer entender melhor as características dessa geração, o que esperar dela no mercado de trabalho e qual a melhor forma de os pais se comunicarem com essas crianças? Acompanhe nosso post!

Quais as principais características da geração Alpha?

Como a geração alpha cresce habituado a lidar com as funcionalidade de tablets, smartphones e notebooks, é fácil perceber que são mais ágeis para buscar o que querem e também para aprender. Com isso, tornam-se mais independentes para buscar o conhecimento.

Outro ponto é que, por conta da quantidade de estímulos sensoriais que recebem, são crianças mais inteligentes, pois têm a oportunidade de desenvolver uma série de habilidades, com destaque para a criatividade e para a resolução de problemas. Dessa forma, são indivíduos que têm facilidade para aprender programação, por exemplo.

É um grupo que valoriza a interação, portanto, não gosta apenas de receber informações: quer ser protagonista no processo de aprendizado, por isso se adapta tão bem à cultura maker, pois quer pôr a mão na massa. Gosta do conhecimento que pode ser aprendido por meio da experiência.

Como são bombardeados por conteúdos variados a todo o momento e têm acesso a diferentes mídias, um ponto negativo para os alphas pode ser a dificuldade de concentração.

Conheça os Fuzzy Bits

O que esperar dessa geração no mercado de trabalho?

A geração alpha tem uma competência importante para o mercado de trabalho, que é a flexibilidade para se adaptar a diferentes cenários. Dessa maneira, serão profissionais dispostos a trabalhar com novos equipamentos e tecnologias.

Por conta da conectividade, fica mais fácil para essas pessoas se qualificarem, por isso os representantes dessa geração, certamente, terão um nível educacional superior às gerações anteriores.

Aprender a distância também traz um diferencial para esse candidato nascido a partir de 2010: a autonomia para estudar sozinho e para buscar o conhecimento a fim de se aprimorar em sua área de atuação.

Por conta da criatividade e facilidade em pôr a mão na massa, é possível que os alphas formem uma geração de profissionais empreendedores, que vão inovar, trazendo novos conceitos ao mercado e desenvolvendo novas tecnologias.

Como se comunicar de maneira eficiente com esse grupo?

Muitos pais ficam na dúvida como ter uma comunicação eficiente com essas crianças. Como dissemos, elas gostam de participar dos processos, por isso é necessário se aproximar sem autoritarismo. Isso porque, elas estão abertas para aprender e para ouvir os adultos, mas também gostam de ser ouvidas.

Além disso, apesar de todas as facilidades de aprendizado e entretenimento que elas têm com as telas, cabe à família sempre monitorar essa exposição e também valorizar momentos de relacionamento interpessoal, de modo a fortalecer os laços afetivos e também para desenvolver outras competências, como a socioemocionais.

A geração alpha tem o diferencial de conseguir utilizar todo o potencial dos recursos tecnológicos, o que vai acelerar seu desenvolvimento e formar profissionais mais completos para o mercado.

Gostou das informações que trouxemos neste post? Aproveite e compartilhe nas redes sociais para que mais famílias entendam as características dessa nova geração!


Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.