fbpx
Assine nossa newsletter

O que é a disciplina positiva e como aplicar na educação dos filhos? Entenda!

Educar não é tarefa fácil! Como impor limites sem ser autoritário? Como garantir que a criança entenda suas responsabilidades? Acompanhe nosso post e conheça mais sobre a disciplina positiva!

disciplina positiva

Como criar os filhos de maneira equilibrada, sem abusar da autoridade ou ser permissivo demais? Como garantir que cresçam seguros, autônomos e responsáveis? Essas e outras dúvidas rondam a cabeça dos pais nessa difícil tarefa de educar.

Mas você sabia que existe uma abordagem que consegue estabelecer limites ao mesmo tempo que respeita e acolhe a criança? Estamos falando da disciplina positiva.

Quer entender melhor do que se trata esse conceito e como aplicá-lo na educação dos filhos? É só conferir o nosso post. Boa leitura!

⠀⠀⠀⠀⠀

O que é disciplina positiva?

⠀⠀⠀⠀⠀

É um conceito desenvolvido pela educadora e psicóloga norte-americana Jane Nelsen, mãe de 7 filhos. Baseada na teoria dos psiquiatras austríacos Alfred Adler e Rudolf Dreikurs, a disciplina positiva defende uma criação que coloque o respeito e a dignidade da criança em primeiro lugar.

A abordagem valoriza o amor e a empatia no relacionamento com os filhos, porém, não deixa a firmeza de lado. Por isso, é um método em que há um ponto de equilíbrio entre a autoridade e a permissividade dos pais.

⠀⠀⠀⠀⠀

Quais são seus fundamentos?

⠀⠀⠀⠀⠀

É um programa estabelecido em 5 fundamentos. Veja abaixo:

respeito mútuo — firmeza e gentileza caminham juntas na educação das crianças;

sensação de pertencimento — os pais devem criar conexões com os filhos de modo que eles se sintam aceitos e importantes na família;

descoberta de capacidades — é preciso encorajar a autonomia e autoconfiança nas crianças;

desenvolvimento de habilidades sociais — os filhos crescem entendendo o que é respeito, cooperação, empatia e a importância de cuidar do outro;

efeitos de longo prazo — é uma abordagem para a vida toda de seu filho.

Conheça os Fuzzy Bits

⠀⠀⠀⠀⠀

Como aplicar na educação dos filhos?

⠀⠀⠀⠀⠀

Atualmente, sabemos como a rotina dos pais é corrida, o que dificulta o relacionamento com os filhos. Mas, na disciplina positiva, é preciso haver um esforço dos adultos para que consigam dar atenção para a criança.

Assim, quando ela tiver algo a contar ou precisar falar sobre seus sentimentos, escute-a com atenção. Olhe em seus olhos e se interesse pelo que ela tem a dizer. Exercite também a empatia: coloque-se no lugar dela para compreender suas emoções naquele momento. Você pode dizer “imagino o que está sentindo”, trazendo apoio e conforto a ela.

Nas situações do dia a dia, em que seu filho precisar de ajuda para qualquer tarefa, proponha pensarem juntos em uma solução. Dizer “como podemos resolver isso?” vai ajudá-lo a desenvolver a autonomia e a descobrir o significado da cooperação.

Por fim, no dia a dia, não tenha vergonha de demonstrar o amor e o carinho que sente pela criança.

⠀⠀⠀⠀⠀

Quais os benefícios de adotar essa abordagem?

⠀⠀⠀⠀⠀

Ao adotar a disciplina positiva, as relações entre pais e filhos ficam mais harmoniosas. Para os adultos, é um exercício de autoconhecimento em que vão repensar o modo como criam seus filhos e em como melhorar. Muitos pais, às vezes, apenas repetem a forma como foram educados, podendo envolver castigos e punições que trazem consequências negativas no futuro.

Além disso, passam a desenvolver o autocontrole, entendendo que as atitudes ou o mau comportamento dos filhos pode refletir alguma necessidade deles e que vocês podem auxiliá-lo. Para a criança, ser criada com a disciplina positiva vai ajudá-la a crescer mais feliz e consciente de suas responsabilidades.

Viu só como você pode dar uma educação de qualidade, inclusive com a imposição de limites e regras, com a disciplina positiva? O segredo está em ter firmeza, mas sem nunca deixar de se colocar no lugar da criança e respeitá-la.

Você conhecia essa abordagem? Compartilhe este post em suas redes sociais para que mais famílias conheçam essa maneira de educar os filhos!


Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.